quinta-feira , 18 julho 2024
Home / Destaque / NAPA engajado na campanha Dezembro Verde
Imagem/NAPA

NAPA engajado na campanha Dezembro Verde

O Núcleo de Atenção aos Pequenos Animais está engajado na campanha Dezembro Verde, que tem como objetivo conscientizar a população para a posse responsável e combater o abandono de animais.

“Nesse período de final de ano e férias de verão aumentam os casos de denúncia de abandono de animais e também de pets que ficam dias sem água e comida. O objetivo é alertar os tutores que eles são os responsáveis pelo bem estar dos seus animais de estimação e que há também responsabilização criminal em caso de abandono”, disse a coordenadora do NAPA, Ana Batista Triantafyllou.

Em Chapecó tem a Lei Complementar 638/2018, que dispõe sobre a política municipal de prevenção aos maus tratos. A leí proíbe agressão ou imposição de sofrimento aos animais, manutenção em local insalubre, sujo, sem água, comida ou luminosidade ou com temperatura extrema. Também proíbe o abandono em local público.

As lei também prevê multa de 80 a 6 mil UFRMs (Unidades Fiscais de Referência Municipal). O valor da UFRM para 2023 está fixada em R$ 5,3596.

O NAPA é responsável pelo atendimento de denúncias de maus tratos, podendo ser acionado pelo aplicativo Chapecó Digital.

A Câmara de Vereadores de Chapecó aprovou no ano passado a lei 7568/2021, de autoria do vereador Wilson Cidrão, que institui no município a campanha Dezembro Verde. Ela prevê ações de conscientização contra o abandono como palestras, atividades educativas, cartilhas nas escolas, campanhas de mídia e iluminação de prédios públicos na cor verde.

Fonte: Assessoria/PMC

Sobre Daniella Schneider

Veja Também

Como foi votado o projeto que regulamenta reforma tributária

  Como já era de se esperar, a Bancada Catarinense, em sua maioria, votou contra ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.