segunda-feira , 22 abril 2024
Home / Chapecó / Prefeitura e Forças de Segurança planejam novas ações da Operação Asfixia
FOTO: Gilson Leite

Prefeitura e Forças de Segurança planejam novas ações da Operação Asfixia

Novas ações da Operação Asfixia, realizada pela Administração Municipal de Chapecó e Forças de Segurança, para combater o tráfico de drogas e roubos, foram planejadas na manhã desta terça-feira, em reunião na Prefeitura de Chapecó.
Estiveram presentes o prefeito do município, João Rodrigues, o secretário de Segurança Pública, Clóvis Ari Leuze, o comandante da Guarda Municipal, Roger Lima, o consultor jurídico em Segurança Pública de Chapecó, Márcio Bueno, o comandante do 2o Batalhão de Polícia Militar, major Rafael Antônio da Silva, o delegado regional da Polícia Civil, Danilo da Silva Fernandes, e o delegado de Furtos e Roubos, Roberto Fronza.
“Vamos realizar novas ações integradas com foco no tráfico de drogas, furto, receptação e também em apoio ao Programa de Internamento Involuntário. A Segurança é uma das nossas prioridades e estamos investindo em reforço de pessoal e equipamentos”, disse o prefeito João Rodrigues.
A Operação Asfixia iniciou em dezembro e desde então já foram cumpridos vários mandados de prisão.
E nesta quarta-feira irão tomar posse mais 30 Guardas Municipais, que vão atuar em locais como o Terminal Urbano e Rodoviária, que terão segurança 24h. Também serão empossados 30 novos vigias, que segundo o diretor de Segurança Pública, Clóvis Ari Leuze, vão atuar nas escolas municipais.
Também vão tomar posse os integrantes do Conselho de Segurança do Município. No mesmo ato será apresentada a Lei 8.005, denominada Lei dos Ferros-Velhos, que prevê a obrigatoriedade de instalação de câmeras de segurança nos estabelecimentos.

Fonte: Assessoria PMC

Sobre Daniella Schneider

Veja Também

Alunos da Rede Municipal participam de Projeto de Iniciação Científica

Os estudantes da Rede Municipal de Ensino que participaram da última Olimpíada Brasileira de Matemática ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.