terça-feira , 21 maio 2024
Home / Economia / Rede catarinense de Gás Natural recebe implantação de novo Sistema de Supervisão
Divulgação/SCGás

Rede catarinense de Gás Natural recebe implantação de novo Sistema de Supervisão

Agregando ainda mais tecnologia à infraestrutura de Gás Canalizado, a Companhia de Gás de Santa Catarina iniciou em 2022 a implantação de um novo Sistema de Supervisão da Rede, que coleta em tempo real os dados das principais instalações e clientes, minimizando a necessidade de deslocamento de pessoal até os diversos locais dos mais de 1.400 km de gasodutos.

Os dados coletados são processados pelo Sistema e disponibilizados para análise pela equipe da concessionária 24h/dia. Aos consumidores e sociedade, o novo sistema garante agilidade e transparência no acesso às informações operacionais, auxiliando e antecipando a tomada de decisão em ocorrências extraordinárias, contribuindo assim para a maior segurança na distribuição e consumo de Gás em Santa Catarina.

 

Em agosto de 2022, o primeiro consumidor industrial recebeu a implantação do sistema, que inicialmente deverá ser introduzido aos clientes que consomem mais de 1.500 m³/dia de Gás Natural. Ao final de 2022, o novo Sistema de Supervisão da Rede chegou a mais de 50 estações, monitorando 100% do volume de compra e cerca de 60% do volume de venda da Companhia. De acordo com o engenheiro e colaborador da SCGÁS, Bruno Brandl, a meta é de que aproximadamente 500 estações sejam monitoradas até 2025.

Além de clientes, estações coletivas e pontos estratégicos da rede da SCGÁS também serão monitorados. Internamente os dados coletados auxiliarão no ganho de qualidade e agilidade no processo de medição, faturamento, programação de retirada de gás pelos clientes e da SCGÁS junto aos seus supridores.

“No aspecto operacional e de segurança, com informações centralizadas e precisas, em uma situação de emergência, a Companhia consegue atuar mais rapidamente, deslocando suas equipes de campo para fazer o reparo e acompanhando remotamente o impacto e desempenho da Rede”, explica o engenheiro. A automação implementada está em conformidade com aspectos regulatórios, e propiciará atendimento ao novo mercado de gás e consumidores livres.

Investimentos em Tecnologia

Neste ano, mais de R$ 5 milhões serão destinados ao Sistema de Supervisão da Rede. No total, até o final de 2026, a SCGÁS irá investir cerca de R$ 16,8 milhões na execução do projeto, que é um dos primeiros passos na preparação da distribuidora para os novos desafios tecnológicos do mercado. “Serão investidos entre 20 a 30 mil reais por estação” complementa Bruno.

Estes investimentos fazem parte do maior Plano Plurianual de Negócios da história da Companhia. Entre 2023 e 2027, aproximadamente R$ 773 milhões serão voltados para o avanço do Gás Natural no Estado.

 

Fonte: SCGás 

Sobre Daniella Schneider

Veja Também

Retirada dos carnês de IPTU em Chapecó inicia em abril

A Secretaria de Fazenda de Chapecó reforça que neste ano a retirada dos carnês do ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.