sexta-feira , 19 abril 2024
Home / Destaque / Imigrantes terão atendimento do Balcão de Empregos e Polícia Federal na Rodoviária

Imigrantes terão atendimento do Balcão de Empregos e Polícia Federal na Rodoviária

Foram inauguradas na manhã desta terça-feira novas estruturas de atendimento aos Imigrantes, no Terminal Rodoviário Raul Bartolomei, espaço que e da Prefeitura de Chapecó. A partir de hoje a Polícia Federal passará a atender no local e também haverá uma sala do Balcão de Empregos junto ao Centro de Atendimento ao Imigrante, que é um serviço da Secretaria de Assistência Social de Chapecó.
De acordo com o prefeito de Chapecó, João Rodrigues, essa ampliação de serviços vai facilitar aos estrangeiros o encaminhamento de suas demandas num único local, já na chegada ao município.
“Quem chega de ônibus na Rodoviária já pode encaminhar sua documentação e também vaga de emprego. Graças ao bom trabalho da equipe do Centro de Atendimento ao Imigrante e da Administração Municipal, Chapecó foi escolhida pela ONU uma das cidades mais acolhedoras do país, sendo que em Santa Catarina foram citadas apenas duas cidades, Chapecó e Itajaí. Desde o início da gestão estamos fazendo um trabalho de acolhimento aos imigrantes, alguns deles que estavam sofrendo, em situação de rua. Oferecemos abrigo, alimentação e encaminhamento para emprego. Sejam todos bem-vindos para reconstruir suas vidas e fazer o bem”, disse o prefeito.
A secretária de Assistência Social, Elisiani Sanches, e o coordenador do CAI, Natan Oletto, informaram que já foram atendidos 15 mil imigrantes desde o ano passado. Em média são mil por mês. Chapecó já conta com pessoas de 52 nacionalidades.
O coordenador do Balcão de Empregos,Julio Cezar Signori, que está vinculado à Diretoria de Desenvolvimento Econômico, disse que a instalação de um ponto de atendimento no CAI vai agilizar o atendimento. Mensalmente o Balcão Municipal de Empregos atende seis mil pessoas e 30% são imigrantes. Semanalmente Chapecó tem cerca de mil vagas abertas, em mais de 250 empresas. O Balcão de Empregos faz a intermediação entre os trabalhadores e as empresas. Algumas empresas parceiras que estiveram na inauguração foram o Grupo Bugio, e Supermercados Brasão e Celeiro.
O delegado chefe da Polícia Federal em Chapecó, Fabrício Argenta, agradeceu em especial ao prefeito João Rodrigues e à secretária de Assistência Social, Elisiani Sanches, por terem acolhido a proposta de uma unidade da Polícia Federal junto ao CAI.
“Nesta nova sede teremos 16 estações de trabalho, com mais espaço para prestar atendimento para toda a população de imigrantes”, disse Argenta.
O presidente da Associação dos Haitianos de Chapecó, Lenes Gabeaud, disse que muitos imigrantes que chegam não tinham dinheiro para transporte entre o CAI e a Polícia Federal.
“Agora tudo num mesmo espaço é melhor, facilita pros imigrantes. Agradecemos ao trabalho da Polícia Federal e ao Centro de Atendimento ao Imigrante, que estão prestando um bom trabalho”, disse.
Luis Rojas é venezuelano e foi um dos primeiros a buscar atendimento na nova sede da Polícia Federal.
“Estou no Brasil há seis anos, entrei por Dionísio Cerqueira e vim buscar nova documentação. Trabalho numa agroindústria e moro em Chapecó, com a mulher e dois filhos. Meu objetivo é abrir uma microempresa para prestação de serviços gerais”, afirmou.
De acordo com o coordenador do novo posto de atendimento aos imigrantes da Polícia Federal, Alcione Vergil, somente neste ano já foram entregues 1.150 carteiras de registro de imigração e 400 registros de situação de refugiado.
Também estiveram presentes na inauguração a vereadora Sueli Suttili, representando a Câmara de Vereadores, o diretor de Desenvolvimento Econômico, Elio Cella, o diretor de Empreendedorismo e Turismo, Luiz Roberto Tillmann, o gerente do Simplifica Chapecó, Luiz Carlos Balsan, o delegado regional executivo da Polícia Federal, Alex Sandro Biegas, o chefe do núcleo de Polícia Administrativa da Polícia Federal em Chapecó, Daniel Ferreira, o delegado coordenador do SAER/SARA, Albert Silveira, o subcomandante do 2o Batalhão de Polícia Militar, major Antônio, o representante do comando do 6o Batalhão de Bombeiros Militar, tenente André Felipe Nunes, o comandante da Guarda Municipal de Chapecó, Roger de Lima, o consultor jurídico de segurança do município, Márcio Bueno, o presidente da Associação dos Venezuelanos, Alex Peres e representante do deputado Fabiano da Luz.

Fonte: Assessoria/PMC.  Fotos: Leandro Schmidt/PMC

Sobre Daniella Schneider

Veja Também

Podcast da Secretaria de Educação aborda o tema Bullying

O Bullying é um tema atual e muito presente na sociedade. Por isso, conversar sobre ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.