domingo , 25 fevereiro 2024
Home / Economia / Chapecó tem saldo de 7.481 novos empregos
Imagem/Divulgação

Chapecó tem saldo de 7.481 novos empregos

 

Nos primeiros dez meses do ano o saldo de emprego em Chapecó é de 7.481 vagas novas, segundo relatório divulgado nesta semana pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED). Somente em outubro foram 553 vagas. O setor que lidera a geração de empregos é Serviços, com 3.187 vagas.

“Temos muitas pessoas que saíram de seus empregos e se tornaram microempreendedores individuais. Para isso o município oferece o apoio do Simplifica Chapecó, que atende na Antiga Prefeitura. A nossa indústria continua bem, impulsionada pelas exportações de carnes, a Construção Civil muito aquecida, com dezenas de obras em andamento, e o comércio se recuperou, com novas contratações no período”, disse o diretor de Incentivo ao Empreendedorismo, Luiz Roberto Tillmann.

A Indústria tem saldo de 1.990 vagas no ano, seguido pela Construção Civil, com 1.266 vagas, e o Comércio, com 978 vagas. A Agropecuária tem saldo de 60 vagas.

O prefeito de Chapecó destaca que o município vive um bom momento, com muitas empresas investindo na cidade.

“O município adotou medidas de desburocratização para facilitar quem quer investir no município. Temos mais de R$ 3 bilhões em investimentos privados e mais de R$ 600 milhões projetados em investimentos públicos. Estes investimentos movimentam a economia e aumentam a arrecadação”, disse João Rodrigues.

O reajuste anunciado para o funcionalismo público, nesta semana, também vai movimentar o comércio local.

Rodrigues destacou que o número de empregos gerados em apenas dez meses de 2021 é 66% superior aos 12 meses de 2020, quando foram geradas 4.488 vagas.

Fonte: PMC

Sobre Daniella Schneider

Veja Também

Pesquisa do Procon aponta diferença de até 117% nos produtos de Natal

O Procon de Chapecó divulgou nesta quinta-feira uma pesquisa realizada com 27 produtos da Ceia ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.