domingo , 25 fevereiro 2024
Home / Notícias / Casal de dependentes químicos é retirado da rua e encaminhado para tratamento
Foto: Gilson Leite/PMC

Casal de dependentes químicos é retirado da rua e encaminhado para tratamento

 

Na manhã desta sexta-feira foi realizada a terceira ação da Operação Internamento Voluntário e Não Voluntário, realizada pela Administração Municipal de Chapecó, com objetivo de retirar dependentes químicos que estão morando da rua e encaminhá-los para atendimento de saúde e tratamento em clínicas e hospitais da região.

De acordo com o comandante da Guarda Municipal de Chapecó, Roger de Lima, este casal já vinha sendo monitorado e foi encontrado próximo da esquina com a rua Condá. Ele é de Indaial, contou que não tinha mais contato com a família e queria voltar a falar com a mãe, pois não tinha nem dado nem Feliz Natal no final do ano passado. A mulher depois de um pouco de resistência acabou sendo convencida pelo companheiro a aceitar o tratamento, que neste caso acabou sendo voluntário.

Ela foi encaminhada para consulta por suspeita de gravidez. A secretária de Assistência Social, Elisiani Sanches, disse que o internamento deve ser encaminhado via Centro de Assistência Psicossocial de Álcool e Drogas (CAPS AD). A secretaria de Saúde e o Resgate Social também participaram da ação, além do prefeito João Rodrigues, que também conversou com o casal para convencê-los ao internamento.

“Nós queremos tirar as pessoas da rua, dar tratamento, acompanhamento, dignidade encaminhá-las para as famílias”, disse Rodrigues.

Mais de dez pessoas foram retiradas da rua e encaminhadas para tratamento, desde o início da operação.

Fonte: Assessoria/PMC

Sobre Daniella Schneider

Veja Também

Chapecó tem sete CRAS que atendem 40 mil famílias cadastradas na Assistência Social

Serviços de Proteção e Atendimento Integral as Famílias – PAIF, Serviço de Convivência e Fortalecimento ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.